Associados CECAM: Arquitrama Feiras e Exposições | B B O Eventos Promocionais | Biblioteca de Idéias Comércio de Estandes | Icemark Locações | JMC - Publicidade Promoções e Merchandising | LPR Locação de Bens Móveis | Macctub Arquitetura e Desing | Metro Quadrado Estandes | MGM Loc. de Bens Moveis Ass. Desing e Montagens Prom. | MMLA - Macrox Montagens Loc e Serv. Latin America | Publistand Promoções e Empreendimentos | Secta Locação de Bens Móveis

Mercado de feiras movimenta setor hoteleiro em São Paulo

Capital sul-americana das feiras e eventos dos mais variados temas, a cidade de São Paulo está sempre pronta para atender todo e qualquer tipo de evento

Capital sul-americana das feiras e eventos dos mais variados temas, a cidade de São Paulo está sempre pronta para atender todo e qualquer tipo de evento. Segundo pesquisa realizada pela FIPE - Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas à UBRAFE - União Brasileira dos Promotores de Feiras, 42% do mercado brasileiro de feiras de negócios está na capital paulista, movimentando cerca de R$ 16,3 bilhões anuais.

A pesquisa revelou ainda, dados importantes do impacto causado pelo setor no mercado hoteleiro durante a realização de feiras de negócios. São ocupadas, em média, 18 mil unidades por dia - mais de 6,5 milhões de unidades habitacionais por ano - só na cidade de São Paulo. Tendo em vista que a metrópole conta com 410 hotéis,  disponibilizando 42 mil apartamentos,  segundo dados do Observatório de Turismo e Eventos da Cidade de São Paulo, SPTuris.

“As feiras e eventos representam mais de 45% da ocupação total de hospedagens, além de proporcionar um aumento constante da carteira de clientes corporativos para os hotéis.”, ressalta Bruno Omori, presidente da Abih-SP – Associação Brasileira da Indústria de Hotéis Do Estado de São Paulo.

Alguns hotéis estão localizados de forma estratégica, como o caso do Sheraton São Paulo WTC Hotel, que faz parte do complexo empresarial World Trade Center São Paulo (WTC), considerado o mais completo da América Latina, com infraestrutura para negócios, compras e lazer. Dentro de sua grandiosa estrutura, o local conta com o WTC Events Center, ocupando uma área de 12 mil m² divididos em 60 espaços flexíveis, que podem acomodar desde grandes eventos corporativos e culturais até pequenas reuniões e encontros de negócios.


Diferentes ações de parceria também vêm sendo utilizadas de forma estratégica pelo setor hoteleiro. Localizado na região central de São Paulo, o Hotel Ca’d’Oro foi reinaugurado em outubro de 2016 e é um dos hotéis que está investindo nessa ferramenta empresarial. No início desse ano, o hotel fechou parceria com a agência AD Feira, Agência de Viagens Oficial da Reed Exhibitions Alcantara Machado no bloqueio de quartos, com tarifas diferenciadas, exclusivamente aos visitantes dos eventos da promotora.

Tal parceria está sendo um diferencial de sucesso para o hotel, tendo sua ocupação preenchida durante os eventos, em especial àqueles realizados em espaços próximos à região central de São Paulo. “Durante grandes eventos, normalmente temos um aumento de 20% de ocupação do hotel, gerando uma receita excelente para o hotel. Além disso, em grande parte dos eventos precisamos fazer um bloqueio extra de quartos, devido à grande procura por hospedagem”, afirma Renato Noel Alarcon, gerente de vendas do hotel.

As perspectivas para o mercado hoteleiro são as melhores, após um período de queda devido à recente crise econômica e política do País. “Nos próximos cinco anos, São Paulo deve retomar o crescimento da ocupação na ordem de 2% ao ano, continuando a ser o principal polo hoteleiro da América do Sul, com a já consolidada liderança no mercado de feiras, eventos e turismo de negócios”, finaliza Omori.


 

Por Mariana Couto, jornalista - mariana@sindiprom.org.br

Por Mariana Couto, jornalista - mariana@ubrafe.org.br